Futebol

22 setembro 2021, 18h52

Benfica Campus

PARABÉNS, BENFICA CAMPUS

O Benfica Campus está de parabéns! Cumpre 15 anos de vida o centro de formação e treinos do Sport Lisboa e Benfica, o qual, além da missão de acolher o Futebol Profissional, tem sido pedra basilar no desenvolvimento de jovens da formação. Reveja os melhores momentos da emissão especial da BTV, num dia que teve muitas surpresas.

19h07 | O Presidente do Sport Lisboa e Benfica, Rui Costa, foi o último convidado da emissão especial da BTV e sublinhou a mensagem que tem sido passada aos jovens ao longo dos últimos anos. "Há uma porta aberta para a equipa principal, houve e há uma estratégia para isso, agora por cada 25 minutos que os jovens façam na equipa B, não passam imediatamente para a equipa principal. A porta esteve sempre aberta e continua aberta. Os jovens têm de fazer de tudo para lá chegar. Têm de pensar que com qualidade são sempre as primeiras escolhas para a equipa principal. Torna-se mais fácil chegar à equipa principal agora, jogadores que a meio da época passaram da B para a equipa principal. Ao longo dos 15 anos o Benfica Campus nunca parou de crescer e evoluir. É um centro de estágio para a formação e equipa principal, as condições estão ao nível das melhores equipas do mundo." 

18h20 | José Henrique, com 78 anos, enquanto team manager da equipa de Sub-23, mantém firme a paixão pelo Benfica e viu a primeira pedra do Benfica Campus a ser colocada. "É um monstro! Conheço muitas academias na Europa, mas nenhuma como esta. O Benfica tem ganho experiência, as pessoas cresceram, evoluíram, os jogadores também. Quando começámos, tínhamos geradores. O Benfica quer transformar miúdos para a equipa principal", destacou.

17h58 | Simão Sabrosa, diretor de relações internacionais, conheceu o Benfica Campus como capitão de equipa em 2006. "Temos agora condições fantásticas. Tínhamos vários sítios para treinar, Odivelas, Monte da Galega... Essas dificuldades obrigaram-nos a ser mais fortes. Está nos melhores centros de treino do mundo. Se olharmos para outros clubes, o Barcelona e Real Madrid têm Academia há poucos anos. O Benfica está sempre a melhorar e a inovar. O desafio é melhorar", perspectivou. 

17h40 | Em processo de recuperação a uma mazela no pé esquerdo, João Neto, reforço para a equipa B, esteve na sala de fisioterapia, e mostrou-se satisfeito com as condições encontradas no Benfica Campus. "Tenho todas as condições para recuperar da melhor forma. Fiquei impressionado com o Benfica Campus, uma das maiores estruturas do mundo. Espero evoluir muito. Que continuem a fabricar muitos futuros craques", disse. 

17h25 | Rodrigo Magalhães, coordenador técnico da área de iniciação do futebol de formação, e Bruno Maruta, diretor de futebol de formação, fizeram uma avaliação do trabalho realizado. "Temos de dar mérito ao desenvolvimento das infraestruturas, que nos permitiu dar o passo que demos", enalteceu Rodrigo Magalhães. Bruno Maruta viu tempo a voar: "Parece que foi ontem que as nossas equipas treinavam no campo pelado. O sucesso também se faz com continuidade, o que o Benfica fez não foi esporádico. Há um trabalho de continuidade. É o desafio que se segue, manter a continuidade de formação de atletas."

17h10 | João Vinagre, diretor de operações do Benfica Campus, falou dos segredos logísticos na fábrica de talentos.

Fotos Álbum

16h45 | Entrega de álbuns fotográficos para os finalistas que vão residir fora do Benfica Campus. Nove atletas atingiram a maioridade e vão viver em casa própria, como é o caso de António Silva, defesa-central, dos Sub-19. "Os primeiros anos foram difíceis porque estava longe da família. Agora vêm novas rotinas", disse. Gustavo Mendonça reconhece que desde a saída de Braga, no primeiro ano, faltou "a família", mas isso foi atenuado com o espírito no Benfica Campus. "Levo amigos para a vida", frisou o médio. Pedro Santos, também médio, olha para as fotografias com nostalgia: "São os meus amigos, recordo o primeiro aniversário em que recebi uma camisola do Luisão autografada."

16h35 | Tiago Pina, treinador de Iniciados A e coordenador do escalão Sub-15, e Pedro Faria, treinador de Iniciados B e coordenador do escalão Sub-14, abordaram a articulação entre as duas equipas, a utilização de atletas nas provas oficiais. Benjamim Fonseca, jogador dos Sub-15, vive no Benfica Campus e mostrou-se "grato" pela ajuda no seu "desenvolvimento como jogador e pessoa". "Tenho aulas todos os dias de manhã, treinos todos os dias menos na segunda-feira. Vou à sala de estudo todos os dias...", revelou.

16h06 | Filipe Coelho, treinador dos Juvenis A, e Tiago Lima, treinador dos Juvenis B, centraram-se nos desafios que têm pela frente no processo formativo. 

16h05 |A mensagem de Rúben Dias: "Muitos parabéns Benfica Campus! Que seja um dia para relembrar o que tens propocionado, relembrar a obra fantástica que foi feita e que permitiu a mim e a que tantos outros jovens consigam os seus sonhos com boas condições! Realmente no sítio certo com as pessoas certas. Toda a infraestrutura é fantástica, mas sem as pessoas não fazia sentido!"  

15h35 | Luís Castro, treinador, e os jogadores da equipa de Sub-23 André Gomes e Guilherme Montoia sublinharam o processo evolutivo coletivo e individual, e como o mesmo decorre na organização Benfica Campus. O técnico, abordando a participação na Youth League, deixou claro: "O objetivo é sempre vencer, mas há adversários. Temos muita qualidade a formação, mas outros clubes também trabalham bem. O objetivo da Liga Revelação é chegar o mais longe possível, se pudermos vencer. Queremos ir longe, mas sem privar os nossos talentos de uma formação adequada. Pensamos em formar jogadores para o Benfica", afiançou. 

15h02 | Ferro, Gonçalo Ramos e Paulo Bernardo lembram-se bem do que sentiram nos primeiros dias no Benfica Campus. "Lembro-me do primeiro dia, um misto de emoções, vim para o Benfica e deixava o núcleo familiar. Nos dias de folga, também fazíamos peladinhas. Os mais velhos tentam ajudar e colocam algumas regras, que faz parte. A minha referência era o Luisão", apontou Ferro. Gonçalo Ramos sentiu o mesmo e não se esquece de quem lhe chamava a atenção. "O objetivo era chegar ao Benfica, estava muito feliz, mas deixei amigos e família. Como saltava de posição em posição, gostava do Enzo Pérez, Witsel e Cardozo". Paulo Bernardo viveu sempre fora do Benfica Campus, com os pais, e de alguma forma lamenta não ter partilhado algumas "peladinhas" fora de horas: "Comecei com seis anos nas escolinhas do Benfica, no Estádio da Luz, não participei em muitas peladinhas...tenho pena!" O trio deixou claro que o ambiente no balneário esta época está "fantástico". "Quando se trabalha sobre vitórias dá mais ânimo e um ambiente muito melhor. Grupo está muito unido", defendeu Ferro sobre a presente temporada. "O grupo dá-se muito bem, somos todos amigos. Toda a gente entra nas brincadeiras, independentemente da nacionalidade", acrescentou Gonçalo Ramos. "Quando se passa pela porta do balneário sente-se a diferença, eles são os melhores e quero estar com eles", rematou Paulo Bernardo, médio que integra esta temporada o plantel principal.

quadro de honra

14h42 | Prémios do quadro de honra e de mérito social foram entregues. Francisco Machado, dos Sub-16, voltou a ser distinguido. "Primeiro, é importante ter horários e acompanhamento, como é o caso. O Benfica ajuda-nos, deixa-nos mais confortáveis e preparados para os testes. Os meus pais sempre me disseram para ter um plano B, para ligar tanto à escola como ao futebol", disse o residente do Benfica Campus. Henrique Pereira, dos Sub-23, ficou em 1.º lugar. "Na faculdade não é tão fácil de conciliar", disse o aluno de gestão. 

14h25 | Um dos históricos capitães do Benfica, Luisão, recordou a visita de "capacete" ao Benfica Campus. "Cresceu muito em espaço, evolução incrível. E tendo mais contacto com jogadores jovens, nota-se uma constante evolução. Tento ser o mais humano possível com os mais jovens", asseverou o atual diretor técnico de performance.

14h23 | Paulo Lopes, antigo guardião do Benfica, agora treinador de guarda-redes da equipa de Sub-23 também puxou pela memória. "Quando cheguei ao Benfica não tínhamos esta qualidade e quantidade de infraestruturas", frisou.

14h05 | Luís Araújo, treinador, e os jogadores da equipa de juniores Diogo Prioste e João Neves revelam o seu entendimento da importância do Benfica Campus. "Benfica andou permanentemente em atualização e evolução. O espaço tem vindo a crescer, as pessoas também fazem muita diferença. Estou há 15 anos, quando entrámos, os campos não tinham luz, era com geradores", recordou o técnico. "Estou no Benfica desde os 5 anos, estou no Benfica Campus desde os 15. Aprendi desde o primeiro dia que temos de honrar o clube. Sonho jogar na equipa principal", enalteceu Diogo Prioste. "Os primeiros dias foram difíceis, mas tive sempre apoio dos jogadores mais velhos", atirou João Neves

12h41 | Rafael Brito e Tiago Gouveia, jogadores da equipa B, elogiam o espaço que trabalham. "É um lugar onde podemos evoluir para atingir o nível que queremos, acredito que seja dos melhores centros de estágio do mundo", atirou Tiago Gouveia. "Vivi fora e depois vim para o Benfica Campus devido aos horários, mas a escolha foi certa. Vivo perto agora", disse Rafael Brito.

12h35 | Pedro Ganchas, capitão da equipa B, mostra o balneário, falando da mensagem de "confiança" que faz questão de transmitir aos colegas antes dos jogos. "Temos todos um espírito muito unido", sublinhou.

12h22 | Nélson Veríssimo, treinador da equipa B, deu a conhecer o seu dia a dia no Benfica Campus. "Chego antes das 8h00, treinamos de manhã na maior parte das vezes. Falamos sobre o treino, temos uma reunião prévia com o departamento médico devido aos jogadores, vamos para treino, de 60 a 70 minutos, depois fazemos um apanhado. À tarde analisamos a equipa que vamos defrontar. Em função do avanço da semana aumentamos a análise à equipa adversária. Saímos por volta das 20h00", revelou, relembrando os dias e as condições encontradas quando chegou para a equipa de Iniciados do Benfica: "As coisas evoluíram muito, a principal diferença tem a ver com a ligação dos sócios às equipas. Havia sócios nessa altura que acompanhavam as equipas de Iniciados, Juvenis e por aí fora, diariamente. Temos condições agora que a maioria dos clubes não têm."

12h06 | Adrian Bajrami, capitão da equipa de sub-23, internacional jovem suíço, recordou o primeiro contacto com o Benfica Campus. "Joguei no Young Boys, quando vi isto... foi incrível. Não sabia o que fazer quando cheguei, mas toda a gente ajudou-me e somos uma família. Descrevo este clube como uma família!"

11h55 | Catarina Santos, coordenadora do departamento escolar, e Sandra Castro, do departamento social, abordam as estratégias e práticas de apoio aos jogadores, desde escolar à diminuição dos efeitos de afastamento das famílias, no caso dos jogadores internos. Sandra Castro revelou mesmo que Diogo Gonçalves chegou a ajudar um jovem atleta a despedir-se da família no momento de regressar ao Benfica Campus, um exemplo de interação de gerações.  

11h42 | Filipa Jones, psicóloga do Benfica, falou do papel de acompanhamento psicológico dos jogadores da equipa B e Sub-23.

11h33 | Cristina Graça, coordenadora do departamento de Human Performance, explicou a abrangência do departamento, centrado nas áreas da saúde e de performance dos atletas. "O desafio agora é ter toda a atividade em pleno, tivemos alguns atletas com sequelas de COVID-19, como foi o caso de Daniel dos Anjos. Estamos a rever os protocolos de atuação para conseguirmos dar mais ferramentas às equipas sobre o estado físico dos atletas", disse.

Bandeira de ética

11h25 | Benfica recebe bandeira simbólica da ética atribuída ao futebol de formação do clube pelo IPDJ. Mais uma distinção, desta feita aos valores desportivos, para o Benfica e Benfica Campus.

11h14 | A equipa de Sub-23 terminou mais um treino, Jorge Cordeiro, treinador-adjunto que representou o Benfica na formação desde os 13 anos, apontou "muitas diferenças" no processo formativo e nas condições de trabalho. "As instalações são de top mundial e as pessoas também!

10h58 | Pedro Marques, diretor técnico do futebol de formação, aborda o processo de treino individualizado na formação. "Estamos sempre a refletir as necessidades do futebol profissional, projetar o futuro e desenvolver individualmente jogadores. Queremos formar bons jogadores e boas pessoas", frisou.

10h48 | Nuno Gomes recorda o seu papel como diretor-geral de futebol formação do Benfica. "Foi um orgulho", disse a respeito do desempenho das funções, considerando que o grande título é ver os jogadores formados no clube chegarem à equipa principal. "O Benfica sempre foi um clube formador, com maior ou menor dificuldade. Claro que quando se investe num centro desta dimensão pretende-se colher frutos. Irá continuar a colher, há muito talento em Portugal e no Benfica. É importante desenvolvê-lo! Acredito que o Benfica é o melhor na formação, mas os outros clubes também crescem", frisou.

10h38 | Mural com os nomes e imagens de mais de 40 jogadores formados no Benfica e que se estrearam pela equipa principal foi inaugurado hoje em cerimónia privada pelo Presidente Rui Costa. João Félix, Rúben Dias, Renato Sanches, Bernardo Silva, João Cancelo, Ederson ou Gonçalo Guedes são algumas referências... e há espaço para muitos mais!  

10h31 | A equipa B faz testes físicos num novo ginásio do Benfica Campus, sessão parcialmente acompanhada em direto. 

10h21 | Manuel Ribeiro, antigo diretor de futebol de formação, lembrou os primeiros tempos de Benfica Campus. "O grande desafio foi aumentar o número de equipas" e que "tivessem oportunidade de estudar e serem acompanhados". "O Benfica Campus deu a possibilidade de darmos mais condições aos jovens, antigamente não havia campos para treinar, andávamos de um lado para o outro", recordou. "Lembro-me perfeitamente do Bernardo Silva e do João Cancelo, entre muitos outros... Desejo que continue a formar jogadores para a equipa principal", acrescentou.

10h17 | A importância de formar atletas e homens tem sido enaltecida por Pedro Mil-Homens, diretor-geral de futebol de formação, que revela: "Pela primeira vez temos 100% de aproveitamento escolar!"

10h10 | Pedro Mil-Homens, diretor-geral de futebol de formação, aborda o presente e o futuro do Benfica Campus.

10h00 | Começou a emissão do canal do clube em direto do Seixal, são recordados alguns dos melhores momentos dos últimos anos.

9h55 | Bom dia, hoje é dia de aniversário do Benfica Campus. Acompanhe aqui este momento especial. 

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: Cátia Luís e João Paulo Trindade / SL Benfica
Última atualização: 23 de setembro de 2021

Patrocinadores principais do Futebol


Relacionadas

Futebol

Taça da Liga: antevisão de Jorge Jesus | #VSC-SLB

O Benfica venceu (1-3) o Vitória de Guimarães, na Cidade-Berço, na 7.ª jornada da Liga Bwin, mas, desta feita, para a 2.ª jornada do grupo A (fase 3) da Taça da Liga, Jorge Jesus sabe que terá um contexto competitivo "diferente". Mas o técnico, esperando um rival com o seu "melhor onze" e tendo de modificar a equipa em função da densidade competitiva a que tem estado sujeita, deixou claro, em declarações à BTV, que o coletivo "está preparado" para um embate "extremamente difícil".

Futebol

Por dentro do jogo com o Vizela

Um golo de Rafa, aos 90'+8', levou a crença Benfiquista à explosão de euforia de todos os que sentem e vivem o clube! Muitos deles estiveram em Vizela horas antes do início do duelo, demonstrando o seu amor. A receção à equipa do Benfica foi carregada de paixão e o 0-1 final, no desafio da 9.ª jornada da Liga Bwin, trouxe um sentimento de dever cumprido! Antes, durante e depois, os Benfiquistas disseram presente no apoio à equipa. Veja como se viveu nos bastidores, e não só, a missão Vizela!

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar