Futebol

20 setembro 2021, 23h14

Jorge Jesus

CONFERÊNCIA DE IMPRENSA

A satisfação de Jorge Jesus com o rendimento da equipa foi visível, sobretudo na primeira parte, onde diz ter observado um Benfica "muito forte técnica e taticamente". O único aspeto que não encheu o olho foi a exposição ao "risco nos últimos minutos", que deu "esperanças" aos forasteiros. Mas o líder soma e segue com triunfos sucessivos na Liga Bwin, desta feita frente ao Boavista.

A história da 6.ª vitória do Benfica na Liga Bwin, que aumenta o conjunto de "sinais positivos", tem subjacente o nome de Darwin, que fez dois golos ao Boavista e forneceu indicadores claros do que pode render no enquadramento tático que Jorge Jesus lhe deu. Também Rafa teve direito a menção honrosa quando o técnico se referiu aos desafios táticos que colocou à frente dos dois atletas. Mas não foram os únicos elogiados da noite, também Weigl, Yaremchuk, Valentino e os adeptos: "Dão uma grande segurança à equipa!"

Benfica-Boavista

Risco desnecessário

"Foi uma vitória importante por vários motivos... no ano passado o 6.º jogo foi com o Boavista, que nos tirou a possibilidade de mais uma vitória... Penso que os primeiros 45 minutos foram melhores que os últimos. Na primeira parte tivemos grande qualidade de jogo, houve um grande golo do Boavista que foi mérito do adversário. Depois do 3-1, quando o jogo poderia ficar mais fácil, pela qualidade técnica e posicional da nossa equipa, não tivemos a qualidade que devíamos ter. Jogámos no risco e deixámos que o Boavista pensasse que tivesse algumas hipóteses, deixámos que tivesse bola."

Benfica-Boavista

Seis vitórias e o melhor ataque da Liga

"São sinais positivos! Somos uma equipa que em qualquer momento faz golo, não precisamos de muito tempo a atacar. O que fugiu a isto foi o jogo em Kiev. Darwin e Rafa, muito rápidos, em qualquer momento desestabilizam a última linha do adversário. Aconteceu nos golos, e quando temos a felicidade de estarem bem... eles fogem muito dos adversários, fogem dos próprios colegas, do Pinho, Pizzi, Everton, que têm outras características. O Benfica joga com uma ideia muito forte em ganhar, quero uma equipa com pensamento positivo. Vencemos os primeiros seis jogos, é um bom sinal, vamos trabalhar para a 7.ª, acreditamos que temos essa qualidade, em cada jogo nota-se que estamos mais fortes."

Benfica-Boavista

De Darwin a Rafa...

"Darwin e Rafa são jogadores muito rápidos na procura do espaço e na procura da profundidade. A velocidade e execução são importantíssimas para ganhar o espaço sobre quem defende. Ofensivamente temos vários posicionamentos, e a colocação do Rafa tem a ver com a estratégia, como o adversário joga. Nós procuramos os espaços vazios para que o jogo seja melhor, mais fluido, e isto vai acontecer mais vezes, ou seja, jogadores a mudar várias vezes de posições. O Darwin já demonstrou toda a sua qualidade. Tem características que não são muito comuns aos avançados de hoje, é muito rápido. Partindo da esquerda tem mais espaço para usar a velocidade que tem. Está a adaptar-se a essa posição, adora jogar aberto com e sem bola. Tenho de ir à procura das características dos jogadores, como fazemos com o Rafa. O Darwin também é um bom jogador, que finaliza e cabeceia bem!"

Benfica-Boavista

... até Yaremchuk

"Fez vários movimentos para a profundidade, teve mais rotatividade e mobilidade neste jogo. Não fez golo, e um avançado tem sempre esse problema. Mas teve períodos bons, está a jogar melhor de costas, ainda não o que queremos, porém, está a conhecer a equipa. Ele e o Valentino não falam português, joga com um avançado ao lado que só fala castelhano e tem alguma dificuldade em adaptar-se, ao contrário do Rodrigo Pinho. Mostrou no Europeu a sua qualidade. Acreditamos que vai dar a sua rentabilidade, porque não fez um jogo negativo. Nos primeiros jogos teve desempenhos não tão fortes como hoje [este dia 20 de setembro]."

Benfica-Boavista

Weigl está "melhor" e Valentino a "adaptar-se"

"O Weigl perde a bola [no lance do golo do Boavista], mas quem não perde em jogo? Só foi golo, porque foi um golo de bandeira do jogador do Boavista! Nem falei em nada ao intervalo com o Weigl sobre isso, nem no final do jogo. Mérito para o jogo do Boavista. Weigl tem características especiais, está cada vez melhor fisicamente, quando joga com três [centrais] é melhor para ele. O Valentino entrou devido à lesão do Diogo Gonçalves, que se ressentiu de um problema físico. Nota-se que é um jogador experiente, cauteloso, é um jogador forte no passe. Está a adaptar-se. Os que chegaram estão a adaptar-se à ideia da equipa."

Benfica-Boavista

Adeptos dão segurança à equipa

"Todas as equipas quando sofrem golos baixam um bocadinho a sua confiança, nós já não estávamos habituados a jogar com adeptos. Os nossos são diferentes, têm grande paixão, empurram a equipa para o objetivo que é o golo. Que continue assim, foi assim que me habituaram. Sempre que jogamos na Luz sentimo-nos seguros, os adeptos dão grande segurança à equipa!"

Dresscode - 20% Desconto Linha Adidas e Réplicas

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: SL Benfica
Última atualização: 20 de setembro de 2021

Patrocinadores principais do Futebol


Relacionadas

Futebol feminino

Mais do que 90 minutos: atrás de um sonho!

Tal como o sonho comanda a vida, a equipa feminina de futebol do Sport Lisboa e Benfica ainda luta pela passagem aos quartos de final da Liga dos Campeões, mesmo que o próximo adversário na 5.ª jornada do grupo D seja o Lyon, líder do ranking europeu de clubes, nesta quinta-feira, 9 de dezembro, às 20h00, no Benfica Campus. Os bastidores das rotinas e os passos mais recentes da inédita caminhada europeia, no jogo frente ao BK Häcken, estão na reportagem a emitir pela BTV nesta terça-feira, 7 de dezembro, às 22h30.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar